Levitra Vendita Comprare Propecia Acquisto Female Viagra Acquisto Cialis Jelly Viagra Super Active Levitra Originale Viagra online Levitra Compresse Divisibili Disfunzione Erettile Ecografia Comprare Priligy Viagra Generico Comprare Brand Cialis Kamagra Oral Jelly Viagra Originale 100mg Acquisto Kamagra Flavored Propecia Generico Comprare Levitra Comprare Viagra Jelly

A validação da jurisdição voluntária sobre os acordos extrajudiciais

Por Acácio Júnior, advogado empresarial

A Reforma Trabalhista (Lei 13.467/2017), em vigor a partir desse mês, traz uma série de mudanças tratadas em outros artigos publicados por mim em meu site. Dessa vez, o assunto a ser tratado é a jurisdição voluntária, prevista no artigo 725 do Código de Processo Civil (CPC) e que amplia as possibilidades de acordo entre empresas e empregados.

Artigos sobre a Reforma Trabalhista

Nova lei define o que não faz parte da Reforma Trabalhista
Empregados já trabalham menos por conta da subocupação
A Reforma Trabalhista e o setor produtivo no Brasil

O termo jurisdição voluntária é usado para acordos extrajudiciais firmados e que só podem ser validados perante um juiz. O assunto tem diferentes pontos de vistas e foi debatido por mais de 30 profissionais do Direito no Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Para o juiz Guilherme Guimarães Feliciano, presidente da Associação Nacional dos Magistrados do Trabalho (Anamatra), a jurisdição voluntária não pode servir para transformar o juiz em “mero homologador de acordo ou carimbador de termos de rescisão”. Segundo ele, há casos, como os que envolvem interesse público, que podem levar à não homologação do acordo.

Já a desembargadora Maria Inês Correa de Cerqueira César Targa, do TRT da 15ª Região (Campinas-SP), defendeu a normatização da jurisdição voluntária e afirmou que a alteração legislativa vem com 33 anos de atraso. Ela defendeu que haja um procedimento padrão para as homologações dos acordos extrajudiciais, e entende que seria adequado que os tribunais emitissem recomendações nesse sentido.

O juiz Giovane Brzostek, do TRT da 2ª Região (SP) e coordenador do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc-JT) da Zona Leste de SP observou que, apesar das diferentes formas de atuação entre os atuais centros de conciliação e o papel do juiz na jurisdição voluntária, as duas abordagens têm em comum “o fomento da cultura do entendimento, da eficiência da solução, da pacificação saudável, da economia de recursos e valorização das soluções conciliatórias como forma de entrega de prestação jurisdicional”.

Diante de exposições tão distintas umas das outras, e que servem para a reflexão da assessoria jurídica de empresas e também do Poder Judiciário, é fato que a jurisdição voluntária só cumprirá sua função ao passo que respeitar a de proteção das partes envolvidas nos acordos extrajudiciais.

Related Posts

viagra precio en farmacia viagra masculina cialis efectos secundarios cialis venta kamagra sobres kamagra oral jelly opiniones levitra generico precio viagra generica viagra generico kamagra oral jelly kamagra precio levitra generico levitra sin receta viagra for sale nz viagra online nz cialis pills nz cialis new zealand kamagra gel nz buy levitra nz viagra nz cialis nz